Receita caseira – “Acarajé”

Quinha: Mãe Guili!, ensina como se prepara o “acarajé”?

Mãe Guili: Oyá, eparrei! Oyá, eparrei! Oyá-Iansã! Vamos preparar sim, um dos regalos da cozinha baiana, em oferenda para nossa Deusa Guerreira,divindade guerreira dos ventos e das tempestades!

Quinha: Oyá, eparrei! Oyá, eparrei! Oyá-Iansã! Que também cumpre função de encaminhar os espíritos desencarnados ao Orun (céu). Na sua cozinha de chão batido, diz o que é preciso para preparar o “acarajé”.

Mãe Guili: Primeiro é preciso ralar o feijão fradinho à pedra (coloca o feijão e começa a triturá-lo). Como tempero, leva cebola e sal. Em seguida a massa e aquecida em frigideira de barro na qual se derrama um bocado de azeite-de-cheiro.

Quinha: Mãe Guili, com esse quitute baiano de origem africana se come com molho?

Mãe Guili: É claro, Quinha! Como outros quitutes africamos, o molho é preparado com pimenta-malagueta seca, cebola e camarão, tudo moído na pedra e frigido em azeite-de-dendê.

Quinha: Oyá, eparrei! Oyá, eparrei! Oyá-Iansã! Depois que o molho do acarajé estiver pronto, vamos servir em oferenda a Oyá-Iansã! Então vamos com ela, nos deliciar desse quitute!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: