Consumo

ela me devora lentamente, apreciando cada segundo em sua entranhas
assim que termina seu longo processo me regurgita,
afinal máquina não pode engolir gente ou coisas assim.
E mesmo que pudesse ela precisa de tudo isto
alguém pra dominar, jogar com seus sentidos e
que sem isso ela não pode existir.
Para ela não importa o tempo, e por isso ela vai corroendo
Por que não desliga-la?
Oras que pergunta, ela já ocupa uma parte de ti
é como cortar uma perna ou um dedo.
Não ocupa espaço em lugar nenhum
Nem tem um corpo
Quando a desligo passo pela falta dela
Ela não possue mal ou outras idéias, pois sua única fome
são as nossas próprias.
Mas tem algo pior, ela não se cansa, não dorme
e quantas vezes ela me desgasta tanto
que corro a alcova para me jogar desacordado?
E apesar de tudo
ela só existe em mim.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: