770 SALAS DE CINEMA SERÃO DIZITALIZADAS COM FINANCIAMENTO DO BNDES E ANCINE

ccab7171-8317-4acd-9943-9d2ade3a5a3a

A empresa Quanta DGT do Grupo Telem vai receber um financiamento de R$ 123,3 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BENDS) e da Agência Nacional de Cinema (Ancine) para digitalizar 770 salas nacionais de exibição de cinema para que esses exibidores possam migrar para a tecnologia digital. Os recursos são provenientes do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) que é de responsabilidade da Ancine

O financiamento sai da linha de digitalização do Programa Cinema Perto de Você cujo objetivo é ampliar o mercado interno do cinema e implementar a modernização das salas de cinema no Brasil e que conta com as parcerias do DNDES, Ancine, FSA e Ministério da Cultura.

Essa política cinematográfica-digital decorre da realidade tecnológica de hoje, já que a partir do ano de 2015, os principais distribuidores deixaram de comercializar cinema em 35 milímetros operando só com a tecnologia digital. O que mostra que sem essa política de digitalização a exibição do cinema no Brasil ficará defasada e, talvez, estagnada.

O importante, também, desta política, é não visa atender somente os grandes grupos, mas também os pequenos grupos. No caso de exibidores com quatro salas, que facilita o acesso à digitalização, os recursos serão de R$ 2,7 milhões não reembolsáveis.

Outro ponto positivo do programa é que com as salas digitalizadas, elas poderão ser usadas para shows, espetáculos, eventos esportivos e coorporativos ao vivo. De acordo com a Ancine, o Brasil tem 2.800 salas sendo 60% estão digitalizadas. A Ancine que acredita que até o fim do ano de 2015, 80% das salas estarão digitalizadas.

ENQUANTO ISSO, MARTHA SUPLICY, MINISTRA DA CULTURA PEDE DEMISSÃO

995ff2de-9a8a-4b95-a861-4b19012c05c1

A ministra da Cultura Martha Suplicy, pediu ontem, dia 11, sua demissão da pasta da cultura. Ela ocupava a pasta desde setembro de 2012. Agora, como é senadora, volta ao Congresso. Em sua carta de demissão escreveu sobre os parcos recursos econômicos de sua pasta e que fez o que pode pela inclusão da população na cultura. Ela ainda desejou que a presidenta Dilma Vana Rousseff, escolha uma equipe econômica que possa levar o país aos crescimentos. Uma opinião desnecessária, de sua parte.

“Encerro hoje a presente etapa com minha missão cumprida, razão pela qual apresento meu pedido de demissão (…) Tivemos oportunidade de construir caminhos e encaminhar soluções para nossas sete importantes instituições e fundações coligadas, assim como também pudemos apresentar um país diferente no exterior”, dis trecho da carta da ministra demissionária.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: