5ª EDIÇÃO DO CINEB DO CINEMA BRASILEIRO

91381a77-f4db-4a9c-8aa4-14e2dff31e88

Com o objetivo de propor a democratização do acesso ao cinema brasileiro através de exibições de filmes nacionais nas periferias e formar um público necessitado de cinema, um público que tem dificuldade de experimentar essa arte, o Sindicato dos Bancários, Osasco e Região apresentam, através da Brazucah Produções, a 5ª Edição do CineB do Cinema Brasileiro.

Já foram exibidos, até agora, mais de 120 filmes nacionais para mais de 43 mil pessoas das comunidades, espaços universitário e nas próprias sessões do CineB. Os produtores e diretores do cinema nacional que têm dificuldades, e mesmo impossibilidade de exibirem suas obras no circuito comercial monopolizado, têm no CineB um profícuo território para realização de seus propósitos cinematográficos. E que também podem comemorar, porque essa edição vai premiar curtas, longas e representantes de comunidades por onde o projeto foi apresentado.

A apresentação da entrega dos prêmios ficou por conta do compositor e cantor Falcão, que participou especialmente do premiado filme do cinegrafista Helder Gomes, Cine Holliúdi. Entre os longas que receberão o Troféu CineB se encontram Em Busca de Iara, de Flávio Frederico, Colegas, de Marcelo Galvão, Getúlio, de João Jardim, De Menor, de Cari Alves de Souza, Marighela, de Isis Grinspum Ferraz, Homem do Futuro, de Cláudio Tores, Plano B, de Getsemane Silva, entre outros importantíssimos cinemas.

Também serão apresentados os vencedores do 4° Selo CineB do Cinema Brasileiro da Periferia que é um projeto alternativo de distribuição de curta-metragem que é amparado pelo Prêmio Economia Criativa do Ministério da Cultura. Os filmes que foram os vencedores receberam um prêmio de R$ 500 e fazem parte de um DVD que será exibido no projeto de 2015.  

“A ideia do CineB é democratizar o cinema brasileiro, divulgando os filmes nacionais e levando essas obras às pessoas que não teriam acesso à elas. Assim, também promovemos um bom debate cultural e social com as comunidades”, observou Cidálio Vieira Santos, coordenador do projeto.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: