“NÃO TENHO MEDO DE MORRER. TENHO MEDO DE QUE ME ESQUEÇAM”, DISSE RAUL SEIXAS. ENTÃO, VAMOS CONTINUAR LEMBRANDO DELE

Uma temporalidade cronológica pontuada como idade e uma temporalidade experimentada, subjetivada como memória. Raul, não tinha medo de morrer, então não importa que tenha feito 70 anos pós-morte, 26 anos passados. Assim, como não importaria se ele tivesse parado seu canto aos 40 anos.

Quando Raul enuncia o medo de ser esquecido ele nos envia para dois entendimentos básicos. Um que ele tem medo da morte da memória dos outros e não dele. A memória que não lhe alcança mais, mesmo com as contrações das imagens lembranças como nos mostra o filósofo Bergson. Outro o elogio do sucesso promovido pela sociedade de consumo que ele mesmo combateu enunciando a sociedade alternativa.

Raul, tão esclarecido, pretendia que seus fãs não elaborassem o luto para continuar como memória viva. Um estado de melancolia decorrente de uma regressão a fase oral mais primitiva que segundo Freud não tem cura. Raul, era esclarecido, sabia que o tempo é intensivo e não é capturado pelo tempo cronológico e é essa intensidade que transformam imagens-lembranças-psicológicas em lembranças agradáveis. Lembrar sem sofrer. “Cacete, como Raul me toca! Bicho é como se ele ainda estivesse aqui conosco!” Isso é culto culposo do passado. Tudo que paralisa.

Como Raul era esclarecido, talvez ele pretendesse a lembrança agradável. Sem sofrimento, porque toda lembrança com sofrimento é dívida. E a arte não proporciona dívida de existir.

Por isso, vamos lembrar agradavelmente de Raul!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: