VIVA O VINIL! DOLORES DURAN

P1010326Estamos no ano de 1979 no Estúdio Do-Re-Mi ligado ao Estúdio Discos Copacabana, esquizovinilfílicos! O objetivo é participar da reconstrução técnica da dupla bolacha-crioula da talentosíssima compositora e cantora Dolores Duran. Além de mulher emancipada de seu tempo que soube viver, sem culpa, sua existência livre de quem sabe o que quer.

Essa joia raríssima é uma relíquia histórica que em seu lançamento causou verdadeiro frisson nos discófilos. Todos queriam ouvi-lo para saberem como ficou a qualidade de suas canções regravadas em 16 canais. Uma inovação da fonografia. Loucura total a tecnologia auditiva operou com sua capacidade de distinções sonoras.

P1010329Embora a bolacha-crioula seja uma reconstrução de suas gravações, o certo é que a voz de Dolores Duran nem precisava de gravação. Como diz o poeta: ao vivo já era melhor! Mas o homem é um ser tecnológico, então por que não fazer uso desta sua faculdade?

P1010328Porém, quem melhor explica essa reconstrução é Paulo Rocco. Leiamos sua apresentação.

RECONSTRUÇÃO (Técnica)

“Esta é a palavra usada quando se refaz alguma coisa e este é o caso das gravações de Dolores Duran, que foram feitas na década de 50 todas em monoural, dentro de uma técnica quase sem recursos se compararmos com a atual. Sendo Dolores Duran um mito da Música Popular Brasileira e que até hoje ainda são procurados seus discos e suas músicas sempre regravadas por outros cantores, resolveu a Copacabana Discos fazer um trabalho quase inédito na fonografia através da reconstrução de fitas magnéticas antigas, gravadas por Dolores Duran e que foram regravadas em 16 canais e adicionadas novas orquestrações com um trabalho magnífico do maestro Élcio Alvarez com a dedicação dos músicos que participaram nestas filigranas de notas musicais que cobriram a s anteriores gravadas e adicionadas outras dos novos arranjos com direção artística de Paulo Rocco e eficiente direção de Estúdio de Antônio Carlos de Oliveira, somada à regência técnica de estúdio de Zilmar Araújo.

Desta forma foi obtido um novo som em estéreo da mais alta qualidade com orquestrações maravilhosas e a voz da saudosa Dolores Duram, para que ficasse registrada no mais atual sistema de gravação”

Paulo Rocco

P1010332 P1010331

Primeiro Disco.

LADO – A

A Noite do Meu Bem/A Banca do Destino/Solidão/Coisas de Mulher/Escurinho.

LADO – B

Manias/Por Causa de Você/Conversa de Botequim/Quem Foi?/Pano Legal/Um Amor Assim.

P1010334P1010335P1010336P1010337

Segundo Disco.

LADO – A

Fim de Caso/Canção da Volta/Onde Estará Meu Amor/Estatuto de Boite/Nossos Destinos/Viva Meu Samba.

LADO B

Pra Quê Falar de Mim/Conceição/Só Por Castigo/Estranho Amor/Bom é Querer Bem/Não Me Culpe.

P1010340P1010338P1010342P1010341É uma verdadeira plêiade de compositores que Dolores Duran interpreta. Garoto, Billy Blanco, Fernando Lobo, Luiz Vieira, Ismael Neto, Antônio Maria, Lina Pesce, Ismael Neto, Macedo Neto, José Batista, Nelson Bastos, David Nasser, Dora Lopes, Nestor de Holanda, Jorge Tavares, Vadico, Noel Rosa, Antônio Carlos Jobim, Flávio Cavalcanti, Celso Cavalcanti, Geraldo Pereira, Chico Baiano, além de suas próprias composições.

As fotos da capa e da contracapa saíram da arte de Ramon Rodrigues.

VIVA O VINIL!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: