Archive for the ‘Concurso’ Category

ATENÇÃO ESTUDANTES! “ACABOU A PAZ – ISTO AQUI VAI VIRAR O CHILE”, DOCUMENTÁRIO SOBRE OCUPAÇÃO NAS ESCOLAS S.P,

Fevereiro 11, 2016

Atenção estudantes e interessados na educação como devir-político de produção de novas formas de saberes democráticos, e não reflexo dos signos paranoicos tirânicos! Dia 14, véspera do início do ano letivo nas escolas públicas, estreia no Youtube o documentário dos cineastas idealizadores Carlos Pronzato, argentino radicado no Brasil, Caio Finato, videodocumentarista e Lucas Duarte, professor e videoativista, Acabou a Paz – Isto Aqui Vai Virar o Chile.

O objetivo da produção do documentário, segundo seus idealizadores, é manter vivo o movimento estudantil que mudou a forma tradicional dos poderes públicos tratarem a educação escolar no estado de São Paulo e no Brasil, visto que o movimento repercutiu em todo o país levando governantes a, também, olharem com cuidado suas políticas educacionais em seus estados.

O movimento estudantil, que teve alguma inspiração no movimento estudantil chileno, impediu, naquele momento, do governador Geraldo Alckmin, do partido da burguesia-ignara que há mais de vinte anos domina o estado de São Paulo, a impor seu plano alcunhado de reorganização que iria fechar 93 unidades educacionais prejudicando estudantes, famílias inteiras, assim como a comunidade.

Porém, segundo os próprios estudantes, embora Alckmin tenha determinado a paralisação do plano, ele vem sendo executado de forma oculta. Algumas escolas têm sofrido a atuação antieducacional do governo. 

Veja a entrevista com os idealizadores na TVT, assim como também o trailer.

Anúncios

Concurso dará prêmio de até R$ 10 mil para melhores histórias sobre afro-brasileiras

Janeiro 8, 2013

da Agência Brasil

O concurso Mulheres Negras Contam sua História vai premiar com R$ 5 mil as cinco melhores redações e com R$ 10 mil os cinco melhores ensaios sobre a história das afro-brasileiras na construção do país. Os textos devem ser escritos por mulheres autodeclaradas negras.

O prêmio é da Secretaria de Políticas para as Mulheres, da Presidência da República, em parceria com a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial. As inscrições estão abertas até 25 de janeiro e devem ser feitas por meio da internet.

Segundo a secretária Nacional de Articulação Institucional e Ações Temáticas, Vera Soares, o objetivo da promoção é que “essas mulheres, ao contarem suas histórias e relembrarem suas vidas e das suas avós, possam dar pistas de ações que contribuam para a melhoria de vida das mulheres negras no país”.